2019-09-20 16:04:00 Jornal de Madeira

Autocarro público em Espanha desvia-se da rota para levar grávida ao hospital

Um autocarro público desviou-se hoje da sua rota na cidade espanhola de Pamplona, levando todos os passageiros para o hospital quando uma mulher grávida entrou em trabalho de parto, relata a agência EFE. Às 6:35 (5:35 em Lisboa), segundo a agência de notícias EFE, várias pessoas entraram a bordo de um autocarro em Barañáin, entre as quais uma mulher grávida, que “parecia estar com problemas” e que afirmou estar com contrações. Pouco depois de o autocarro começar a rota de Barañáin para Villava, em Pamplona, norte de Espanha, a mulher entrou em trabalho de parto, o que motivou o condutor a contactar a sua empresa enquanto alguns passageiros ligavam para o 112 para pedir uma ambulância. Ainda assim, após perceber que “a coisa estava complicada” e, na iminência de um parto, o condutor optou por levar o autocarro até à entrada do complexo hospitalar de Navarra, com todos os passageiros que ainda estavam no autocarro. O veículo era grande e articulado, mas o condutor, que tinha “muita experiência”, como alguns dos passageiros asseguraram, levou a mulher até à maternidade, onde os profissionais de saúde a transferiram para uma maca e a levaram para a sala de partos.

Irmão de George Floyd apela para a paz

Irmão de George Floyd apela para a paz

2020-06-02 01:15:04 Diário de Notícias da Madeira
Povos Indígenas do Brasil registam 178 mortes e 1.809 casos de Covid-19

Povos Indígenas do Brasil registam 178 mortes e 1.809 casos de Covid-19

2020-06-02 00:40:33 Diário de Notícias da Madeira
Canadá rejeita incluir Rússia em reunião do G7

Canadá rejeita incluir Rússia em reunião do G7

2020-06-02 00:10:11 Diário de Notícias da Madeira
Wall Street fecha em alta com investidores a ignorarem protestos e crise com China
Autópsia pedida pela família revela que Floyd morreu devido a asfixia por pressão contínua

Pesquisa

Partilhe

Booking.com

Email Netmadeira